Resenha: Um mais um – Jojo Moyes

16:52

 

um-mais-umSinopse:

Há dez anos, Jess Thomas ficou grávida e largou a escola para se casar com Marty. Dois anos atrás, Marty saiu de casa e nunca mais voltou.

Fazendo faxinas de manhã e trabalhando como garçonete em um pub à noite, Jess mal ganha o suficiente para sustentar a filha Tanzie e o enteado Nicky, que ela cria há oito anos. Jess está muito preocupada com o sensível Nicky, um adolescente gótico e mal-humorado que vive apanhando dos colegas. Já Tanzie, o pequeno gênio da matemática, tem outro problema: ela acabou de receber uma generosa bolsa de estudos em uma escola particular, mas Jess não tem condições de pagar a diferença. Sua única esperança é que a menina vença uma Olimpíada de Matemática que será disputada na Escócia. Mas como eles farão para chegar lá?

Enquanto isso, um dos clientes de faxina de Jess, o gênio da computação Ed Nicholls, decide se refugiar em sua casa de praia por causa de uma denúncia de práticas ilegais envolvendo sua empresa. Entre ele e Jess ocorre o que pode ser chamado de ódio à primeira vista. Mas quando Ed fica bêbado no pub em que Jess trabalha, ela faz questão de deixá-lo em casa, em segurança. Em parte, agradecido, mas principalmente para escapar da pressão dos advogados, da ex-mulher e da irmã — que insiste em que ele vá visitar o pai doente —, Ed oferece uma carona a Jess, os filhos e o enorme cão da família até a cidade onde acontecerá o torneio.

Começa então uma viagem repleta de enjoos, comida ruim e engarrafamentos. A situação perfeita para o início de uma história de amor entre uma mãe solteira falida e um geek milionário.

 

Uma mãe solteira. Uma família caótica. Um estranho peculiar. Uma história de amor irresistível da Jojo Moyes.

A sinopse resume bem a história: A vida de Jess está uma droga, seu marido foi embora deixando com ela a responsabilidade de criar sua filha Tanzie e seu enteado adolescente Nicky, completamente sozinha.

Tanzie é um gênio, ela tem a oportunidade de conseguir um bom dinheiro participando das olimpíadas de matemática e com essa quantia iria  se matricular numa escola particular para aprimorar seus estudos, porém Jess não pode se dar ao luxo de ir até a Escócia com sua filha pois mesmo trabalhando em dois empregos diferentes, ela tem muita dificuldade em administrar as contas da casa.

Até conhecer Ed, o milionário da tecnologia, um homem detestável à primeira vista. Após anos ele decide fazer um ato altruísta ajudando essa família a conseguir realizar a participação de Tanzie nas olimpíadas. Todos entram dentro do carro e é ai que a jornada começa...

Você vai rir, vai chorar, e quando você virar a última página, você vai querer começar tudo de novo.

Sem título 

"Sentia o sol na pele, ouvia o canto dos pássaros acima das vozes das pessoas, do ronco dos carros acelerando, sentia cheiro de gasolina e de doces fresquinhos, e as palavras ecoaram em sua cabeça, espontaneamente: isso é que é felicidade."

Eu amei a forma como todos os personagens principais foram desenvolvidos e como ela mostrou o ponto de vista de todos.

Eu adorei a narrativa e a história do enteado de Jess. Nicky, é um personagem tão adorável e teve uma vida tão complicada, que seria legal se ela fizesse um livro só sobre ele.

Sobre Jess, será que nós podemos ser amigas? Que mulher maravilhosa! Ela é muito forte, teve seus altos e baixos, mas é muito lutadora. Foi muito bom ver ela bater de frente contra os vizinhos complicados e o ex-marido. E o que mais me impressionou é que os seus problemas e sua falta de apoio familiar a fez se tornar a melhor mãe que podia ser, ela é realmente incrível!

No começo eu não gostei muito de Ed, mas ao longo da história ele construiu muito carinho por essa família e assim ganhou meu coração.

Meu amor absoluto vai para Tanzie, ela é muito fofa! Um dos  “quase personagens” principais é Norman, um grande cão de raça indeterminada, que faz você querer abraça-lo e ao mesmo tempo fugir dele rsrs.

Cada personagem foi dinâmico, bem pensado, único e serviu a um propósito especial neste livro. A história é bem desenvolvida e tem um ritmo muito agradável. Os personagens são peculiares. A história é peculiar. Ok, acho que eu falei demais rsrs. É que eu realmente amei este livro ! Jojo Moyes se tornou oficialmente uma das minhas autoras favoritas desse ano. Super indico!

Beijos

You Might Also Like

11 comentários

Popular Posts

Like us on Facebook

Flickr Images