Sinopse: Sofia vive em uma metrópole e está acostumada com a modernidade e as facilidades que ela traz. Ela é independente e tem pavor à mera menção da palavra casamento. Os únicos romances em sua vida são aqueles que os livros proporcionam. Após comprar um celular novo, algo misterioso acontece e Sofia descobre que está perdida no século dezenove, sem ter ideia de como voltar para casa ou se isso sequer é possível. Enquanto tenta desesperadamente encontrar um meio de retornar ao tempo presente, ela é acolhida pela família Clarke. Com a ajuda PERDIDA_1459948735144928SK1459948735Bdo prestativo e lindo Ian Clarke, Sofia embarca numa busca frenética e acaba encontrando pistas que talvez possam ajudá-la a resolver esse mistério e voltar para sua tão amada vida moderna. O que ela não sabia era que seu coração tinha outros planos...

  • Skoob
  • ISBN-13: 9788576862444
  • ISBN-10: 8576862441
  • Ano: 2013 / Páginas: 364
  • Editora: Verus
  • Classificação: 5 / 5  image_thumb[3]

 

"—Eu estou perdida.— O que mais eu podia dizer?Escuta só cara,eu acordei hoje de manhã no ano de 2010 e,depois que tropecei numa pedra e meu celular criou uma coisa tipo uma supernova,eu vim parar, sabe-se Deus como, no século dezenove."

 

Olhando meus posts antigos, vi que nunca tinha comentado sobre esse primeiro contato que tive com a escrita da Carina Rissi, peço que me perdoem pois tudo que é bom deve ser compartilhado, por isso hoje vim me redimir.

Em Perdida, conhecemos a Sofia, uma garota viciada em celular e tecnologia, ela é uma mulher independente e não pensa em se casar tão cedo. Após comprar um celular novo, a magia acontece e ela vai se ver perdida no século dezenove, começa a entrar em desespero assim que percebe que talvez não haja meios para retornar ao tempo presente.

Na busca incessante para encontrar pistas de como voltar para casa, ela acaba conhecendo Ian Clarke, que oferece sua casa para sua hospedagem, Sofia aceita, mas não desiste de voltar para a vida moderna, seria o certo a fazer, não é?
A não ser que o coração falasse mais alto e após o convívio com esse perfeito cavaleiro a fizesse mudar de ideia... Que grata surpresa esse livro, é uma história cativante e muito engraçada, eu ri alto diversas vezes, quem me conhece e já leu esse livro sabe que muitas das características da Sofia se parecem com as minhas, o jeito louca e atrapalhada de ser principalmente haha.

Além, dos momentos de riso, em alguns eu me emocionei, me apaixonei por este casal que me fez suspirar, rir e chorar.A escrita da Carina é muito envolvente e cativante, é importante ressaltar que essa história se destaca, pois, além do romance emocionante nos mostra que precisamos ver o que realmente importa e que de certo modo estamos “viciados” e “escravos” da tecnologia. Infelizmente não temos um “celular mágico” que nos mostrará que o importante da vida é o amor, a amizade, e o tempo que disponibilizamos para as pessoas que amamos.

Sem título

A autora retratou tão bem os costumes da época, que me deu muita vontade de ter vivido naquele século, se você assim como eu, ama um romance e quer ler algo leve, divertido e surpreendente indico muito esse livro!

Beijos

A_FURIA_E_A_AURORA_1463572468585171SK1463572468BSinopse: Personagem central da história, a jovem Sherazade se candidata ao posto de noiva de Khalid Ibn Al-Rashid, o rei de Khorasan, de 18 anos de idade, considerado um monstro pelos moradores da cidade por ele governada. Casando-se todos os dias com uma mulher diferente, o califa degola as eleitas a cada amanhecer. Depois de uma fila de garotas assassinadas no castelo, e inúmeras famílias desoladas, Sherazade perde uma de suas melhores amigas, Shiva, uma das vítimas fatais de Khalid. Em nome da forte amizade entre ambas, Sherazade planeja uma vingança para colocar fim às atrocidades do atual reinado.
Noite após noite, Sherazade seduz o rei, tecendo histórias que encantam e que garantem sua sobrevivência, embora saiba que cada aurora pode ser a sua última. De maneira inesperada, no entanto, passa a enxergar outras situações e realidades nas quais vive um rei com um coração atormentado. Apaixonada, a heroína da história entra em conflito ao encarar seu próprio arrebatamento como uma traição imperdoável à amiga.Apesar de não ter perdido a coragem de fazer justiça, de tirar a vida de Khalid em honra às mulheres mortas, Sherazade empreende a missão de desvendar os segredos escondidos nos imensos corredores do palácio de mármore e pedra e em cenários mágicos em meio ao deserto.

  • Editora: Globo Alt
  • ISBN-13: 9788525060358
    ISBN-10: 8525060356
    Ano: 2016 / Páginas: 336
  • Classificação: 5/5 image_thumb[3]

 

Cada amanhecer traz um horror para uma família diferente em uma terra governada por um assassino. Khalid, o califa de dezoito anos de Khorasan, se casa a cada noite com uma noiva diferente e logo ao amanhecer ela é executada.

Sherazade, no auge dos seus dezesseis anos, levantou uma grande suspeita quando se ofereceu para se casar com Khalid. Mas, fez isso com um plano muito inteligente, que era tentar permanecer viva para vingar o assassinato de sua melhor amiga.

"- Quando eu era uma garotinha em Tebas, lembro-me de ter perguntado para minha mãe o que era o céu. E ela respondeu: 'Um coração onde o amor duela'. É claro que então perguntei o que era o inferno. Ela me olhou bem nos olhos e disse: 'Um amor sem coração'." (p. 185)

A inteligência e vontade de Shazi, de fato, levam-na até o amanhecer que nenhuma outra viu, mas com um, porém...ela está se apaixonando pelo garoto que arruinou a vida de inúmeras famílias.

Com o tempo ela descobre que Khalid, o rei assassino não é tudo o que parece e está determinada em descobrir a razão dos assassinatos e quebrar esse ciclo de uma vez por todas...

16789480_173585953138371_3070397301580103680_n

Agora vejamos: por que eu amei este livro?

Os personagens:

  • Sherazade, é uma heroína forte, com um grande senso de dever, é muito inteligente, teimosa e resistente. Eu admirei sua coragem, sua falta de medo e seu objetivo de cumprir seus sonhos.
  • Khalid, é misterioso e indescritível, sempre pensativo e cuidando de sua fachada fria e gelada, me fez se apaixonar por suas palavras e pela nobreza de seus sentimentos mais profundos,no começo tinha muita raiva dele mas aprendi a amá-lo no desenrolar da história.
  • Os personagens secundários são ótimos, Jalal e Despina são meus favoritos pois são um alívio cômico, em um clima de tensão.

O cenário:

  • Eu sempre fui fã de ambientes árabes e exóticos e por esse motivo amei as descrições das paisagens, as dunas, a comida, as roupas e as cores. A autora foi capaz de criar um mundo de palavras que você pode facilmente imaginar na sua frente, se acrescentarmos um maravilhoso glossário cheio de novas palavras e os sentimentos poéticos, chegamos a um nível ainda mais elevado, surpreendente Renée!

A escrita:

  • Os detalhes e a narração em terceira pessoa, tornaram a leitura agradável, leve e fluida. Renée, criou um mundo mágico e colocou tudo que eu amo em uma história: Intriga, segredos, uma pitada de romance e um pouco de magia, essa é a combinação perfeita para um livro inesquecível.

Este é um dos melhores livros que eu li esse ano e  também um dos melhores livros que já li. Eu não vou dizer mais nada pois não consigo encontrar as palavras para descrevê-lo com justiça. Talvez, deslumbrante? Isso chega perto... Não posso esperar para ler o próximo livro!

Beijos !

 

Sinopse: Às vezes, descobrir a verdade pode te deixar com menos esperança do que acreditar em mentiras...Em seu último ano de escola, Sky conhece Dean Holder, um rapaz com uma reputação capaz de rivalizar com a dela. Em um único encontro, ele conseguiu amedrontá-la e cativá-la. E algo nele faz com que memórias de seu passado conturbadoUM_CASO_PERDIDO_1394559704B comecem a voltar, mesmo depois de todo o trabalho que teve para enterrá-las. Mas o misterioso Holder também tem sua parcela de segredos e quando eles são revelados, a vida de Sky muda drasticamente.

  • Ano: 2014 / Páginas: 384
  • Idioma: português
  • Editora: Galera Record
  • Classificação: 5/5 image

 

Um Caso Perdido, é sobre tantas coisas, como amor, amizade, segredos de família, traição, sobrevivência, arrependimentos, perdão, coragem e por último, mas não menos importante, a esperança.

"Provavelmente vou ser derrubada mais algumas vezes antes da vida se cansar de mim, mas garanto que nunca vou ficar caída no chão."

A sinopse é um pouco vaga e eu realmente não quero revelar muitas coisas. Essa é uma história que você terá que experimentar por si mesmo.

Sky Davis, 17 anos de idade, meu Deus que personagem! Amei desde o início. Ela tinha suas tendências emo, mas o que eu realmente apreciei foi a sua personalidade forte e a falta de tolerância para drama e o seu estranho senso de humor.

Ela conhece Dean Holder e aos poucos descobre que não só encontrou um cara lindo que tem uma reputação totalmente diferente da dela, mas também tem uma capacidade de invocar sentimentos que ela nunca teve antes. Por isso, começa a lutar para mantê-lo a distância, pois sabe que ele, não é nada além de problemas.

Holder insiste em aprender tudo sobre ela, mas algo sobre a forma que ele a faz sentir, traz memórias de um passado que ela não consegue lembrar. Curiosa, começa uma perseguição para descobrir a verdade e quando o segredo que ele guarda é finalmente revelado, o seu mundo desaba e sua vida vai mudar para sempre.

CoHo, tem uma maneira incrível de puxar você para dentro de suas histórias, fazendo você vivê-las e não apenas lê-las. Houve muitos momentos em que eu chorei lendo, especialmente quando os segredos mais escuros foram desvendados. Assim, como os outros livros que li dela, esse é emocionalmente carregado. Ela sempre me inspira a agir na minha própria vida e você ficará surpreso com o quanto vai aprender sobre amizade, amor, coragem e esperança, com esses jovens e lindos personagens.

Além de chorar, também ri em voz alta em várias ocasiões, o humor adiciona charme e leveza onde poderia ter sido excessivamente escuro e triste. Os personagens são tão reais e a trama tão imprevisível, com reviravoltas uma atrás da outra, resumindo: uma montanha-russa de emoções a cada novo capítulo.

No caso de você não ter notado, só quero que saiba que eu amei esse livro e que não posso mais dizer nada sobre essa história, exceto que você deve ler!

Beijos!

 

HISTÓRIA COMUM DE UM EPISÓDIO EXTRAORDINÁRIO

 

estrelas-alem-do-tempo-capa-750x400

Essa semana fui ao cinema assistir “Estrelas Além do Tempo”, não tinha visto o trailer nem muito menos pesquisado sobre, acabei assistindo apenas por um motivo: indicação. Duas amigas queridas falaram muito sobre esse filme e atiçaram a minha curiosidade, as queridas Dani, do blog: Daniela Colaci e a Carol: Nossa Ressaca Literária.

Essa história me surpreendeu tanto, que hoje vim indicá-lo para vocês.

071675-r_1280_720-f_jpg-q_x-xxyxx

 

 

Sinopse: A história incrível de Katherine Johnson (Taraji P. Henson), Dorothy Vaughn (Octavia Spencer) e Mary Jackson (Janelle Monae) - brilhantes mulheres afro-americanas que trabalharam na NASA e foram os cérebros por trás de uma das maiores operações da História: o lançamento em órbita do astronauta John Glenn, uma conquista fantástica que restaurou a confiança do país, mudou a Corrida Espacial e galvanizou o mundo.

 

 

Ficha técnica:

  • · Título Original: Hidden Figures
  • · Classificação: Livre
  • · Ano de produção: 2016
  • · Lançamento: 02 de fevereiro de 2017.
  • · Elenco: Taraji P. Henson, Octavia Spencer, Janelle Monaé, Jim Parsons e mais.
  • · Diretor: Theodore Melfi
  • · Distribuidora: Fox Films
  • · Produção:
  • · Duração: 127 min
  • · Gênero: Drama

Sobre a corrida espacial já estudamos muito na escola. Resumindo, logo após o fim da Segunda Guerra Mundial, outro conflito surgiu no mundo, a Guerra Fria. O mundo se dividiu em dois blocos, o capitalista liderado pelo Estados Unidos e o comunista, liderado pela União Soviética. Cada bloco investia em armamento pesado e tecnologia, a fim de mostrar o seu valor, e a sua superioridade perante o resto do mundo. Essa disputa foi além do próprio planeta Terra e o espaço virou cenário para competição.

As lutas da era dos direitos civis fornecem o pano de fundo para o drama baseado em fatos reais. Junto com uma visão personalizada sobre as injustiças que aconteciam na sociedade americana no início dos anos 1960, a adaptação do diretor Theodore Melfi do livro de Margot Lee Shetterly, se concentra em três matemáticas extraordinariamente talentosas, que trabalhavam para NASA, em meio ao clima de tensão da Guerra Fria.

Este trio e vários amigos próximos enfrentaram uma luta profissional complicada, isso porque elas não eram apenas mulheres em um campo onde quem dominava eram os homens, mas mulheres negras vivendo e trabalhando na Virginia onde havia segregação.

A história é contada principalmente da perspectiva de Katherine Goble (Taraji P.Henson), génio da matemática que trabalha na divisão “Computadores humanos”. Mary Jackson (Janelle Monaé) e Dorothy Vaughan (Octavia Spencer) também trabalhavam com ela nesse setor, onde suas funções primárias são fornecer dados matemáticos para a NASA permanecer competitiva e lançar suas próprias missões espaciais.

Katherine, recebe um impulso em sua carreira quando é chamada para trabalhar onde acontece toda a logística antecipada para o lançamento do voo e aos poucos, mostrando seu talento, ganha o respeito do seu chefe, Al Harrison (Kevin Costner).

03-30

A paciência e a perseverança destas três mulheres foi o que tornaram esse filme tão emocionante, elas conseguem progredir mesmo diante de muito preconceito. Não só provam seus dons e talentos, mas fazem isso com graça.

O tempo pode fazer muitas coisas. Muitas vezes ele pode fornecer clareza sobre a natureza ridícula dos preconceitos que roubaram muitos créditos de quem realmente merecia. É imprescindível corrigir os erros do passado. É uma importância vital e um salto gigante fazer a correção desse registro, todos merecem, devem conhecer e valorizar essas mulheres.

Adorei o filme, recomendo para todos!

Confiram o trailer do filme aqui em baixo:

 

 

Sinopse: Um romance que mistura realidade e ficção de forma inteligente, em uma narrativa de alta qualidade, fatores literários que se encontram para falar de um amor que foi mais forte que as diferenças e impedimentos de sua época. Dos primórdios em Viena até os derradeiros momentos na Argentina, o livro traça a trajetória do artista que virou ditador e da mulher que conheceu o outro lado da história, até então não contada. A_AMANTE_DE_HITLER_1480350670631190SK1480350670BAdolf e Karolynne, um casal que provará, mais uma vez, a força do amor, e o quão improvável ele é, pois na história o que ficou registrado foi suposta incapacidade de amar de um dos protagonistas, que já teve seu lado humano e frágil.

  • Ano: 2016 / Páginas: 206
  • Idioma: português
  • Editora: 4Letras
  • Classificação : 5/5 image
  • livro cedido pela editora*

Sou apaixonada por história, quando recebi esse livro fiquei muito curiosa e precisei ler com urgência para saber se seria apenas ficção ou se também teria alguns fatos verídicos sobre o temível Hitler. Lembro de aprender sobre a Segunda Guerra Mundial durante o período em que estive na escola, sempre me interessei por essas histórias principalmente as do maior genocídio do século XX, onde aproximadamente seis milhões de judeus foram mortos pelos nazistas, através da liderança de Adolf. No entanto, eu nunca tentei imaginar como seria o Hitler amigo, marido, pai e amante.

Nesse romance conhecemos Karolynne, uma estudante do Instituto Belas Artes e que é judia. Do outro lado Adolf Hitler, um jovem pintor que não conseguiu ingressar na academia.Eles se encontram pela primeira vez em uma tarde chuvosa, na cidade de Viena. A química foi muito grande e o romance entre eles inevitável.

“A vida do homem é uma eterna busca de sentido para sua existência. Buscamos nos livros, nos quadros, na música, na poesia, mas na verdade, só encontramos quando nos colocamos verdadeiramente diante de nós mesmos”

Karolynne, se apaixonou por Adolf rapidamente, porém possivelmente logo eles teriam que se separar. Sua mãe Alina era muito rígida e vivia conforme os princípios judaicos, nunca iria permitir que sua filha se casasse com um rapaz que não fosse judeu.

Por causa disso, muitos problemas começam a aparecer, Alina faz de tudo até trapaceia para manter sua filha longe de Adolf. Ele e mais alguns amigos eram anti-semitas e depois da sua sogra tentar separa-lo de seu amor, a sua ira contra os judeus só aumentou.

O amor permanece o mesmo depois de anos separados? Será que Karolynne vai ser a favor da luta de Adolf? Como aquele rapaz austríaco, fracassado, tornou-se um dos principais governantes de seu povo?

“ Meu povo reconhecerá o que fiz por eles. Quanto ao resto do mundo, isso vai depender da história que contarem. Podem falar das minhas ideias, da minha luta, do meu sacrifício, mas estou certo que cairá sobre mim o que de pior conseguirem tirar disso tudo”

Adorei o livro, a autora aborda a vida de Hitler de uma forma sutil deixando sentimentos e julgamentos para trás. Muitos fatos não são fictícios, como os locais onde a história se passa, na pequena cidade de Viena, Munique, Berlim, sobre o Instituto de Belas Artes, a profissão de artista, entre outras coisas incomuns que encontramos na sua verdadeira história.

16386963_1868115530103708_1405924804633087947_n

Na minha opinião, a autora poderia explorar mais a psique desse homem que demonstrou uma liderança brilhante, mas utilizou isso para o mal. É muito difícil imaginar Hitler, sem incluir o Holocausto. Mas, entendo ela não ter concentrado sua escrita nas piores qualidades e ter falado sobre a guerra de uma forma sútil, se não o fizesse, a história não seria uma ficção e sim a biografia de um ditador terrível.

Uma história de medos, conquistas, de paixões e separações, de guerra e de amor. Até o vilão, pode se apaixonar pela moça judia de longos cabelos castanhos. Catherine, tem uma escrita leve e gostosa, esse foi um livro muito intrigante, recomento muito!

Se interessou pela história? Adquira o seu livro nesse link : Livraria 4 Letras.

Beijos

 

Sinopse: Não é normal desejarmos alguém que nos atormenta. Quando meu meio-irmão, Elec, se mudou para nossa casa, eu não estava preparada para lidar com um cara tão idiota. Odiei o fato de ele ter descontado sua raiva em mim porque não queria estar aqui. Odiei ele ter trazido garotas da escola para seu quarto. Mas o que mais odiei foi o modo indesejável que meu corpo reagia a ele.A princípio, pensei que tudo o que ele tinha a seu favor era o corpo musculoso e tatuado e o rosto perfeito. Mas as coisas começaram a mudar entre nós, e tudo teve um desfecho em uma noite inesquecível. No entanto, do mesmo modo que Elec entrou na minha vida, logo voltou para a Califórnia. Passaram-se anos desde a última vez que o vi.Meu Querido Meio-Irmão - Penelope Ward - Acordei com Vontade de Ler Quando a tragédia atingiu nossa família, tive que encará-lo novamente. E, diabos, o adolescente que me deixou louca se tornou o homem que destruiu o resto de sanidade que havia em mim. Senti que meu coração estava prestes a ser partido. De novo.

 

"Como é irônico que esse cara que não fez nada além de tenta me afastar e intimidar, era a única pessoa no mundo que eu senti que quis me proteger"

Quando Elec fez dezessete anos, precisou ir morar com seu pai, sua madrasta e sua meia-irmã Greta por um ano. Ele é aquele típico rapaz badboy, com tatuagens, piercings e atitudes rebeldes.

Greta é inteligente, peculiar, engraçada e compassiva. Elec é irritado, arrogante, sexy e irresistível. Lentamente, ela começa a ver que por trás da fachada irritada dele existe alguém que só quer fugir do passado e eles eventualmente formam um vínculo profundo.

Mas o livro está em duas partes, a primeira metade é quando os personagens estão no ensino médio e a segunda é sete anos depois quando algo terrível acontece com sua família. Eu achei essa ideia da autora genial. É como ter 2 livros em um.

Os personagens crescem, seguem em frente e toda a história se parece mais como um passeio de montanha-russa cheio de emoções. Não vou estender a sinopse, pois não quero dar spoirles aqui, basta ler essa história sexy, engraçada, emocional e fascinante você mesmo para se surpreender assim como eu.E se preparar para ter seu coração roubado por Elec.

image

 

Eu amei este livro! Uma vez que entrei na história fiquei completamente tomada pelos personagens e o drama que suas vidas se envolveram. Eu odeio algo previsível e por isso achei as reviravoltas muito bem escritas, embora algumas delas foram desagradáveis e me deixaram bem triste.

O enredo, foi muito original e intrigante. Não houve nenhum momento em que eu fiquei aborrecida pois a história me manteve entretida do início ao fim. Este foi o primeiro livro que li da Penelope, mas ela definitivamente tem a minha atenção agora pois já li outros três. Um recado: Não se enganem pela capa, o livro tem cenas hots sim, mas não é o que envolve toda a história, a carga emocional é muito maior que tudo, os personagens são sensíveis, falhos e comuns, definitivamente amei!

Beijos !